MARILIA MEDALHA - "BODAS DE VIDRO" (1992)
 
 
Baixe a agenda do mês

Marília Medaglia, também conhecida como Marília Medalha é uma cantora e compositora brasileira, nascida na cidade de Niterói, em 25 de julho de 1944. Irmã do pianista Luís Medalha, aos cinco anos já cantava para amigos da família. Na adolescência, frequentava diversas reuniões musicais e foi exatamente nesses encontros que ela conheceu Sérgio Mendes e Tião Neto, com quem passou a se apresentar em espaços como o Clube de Regatas de Icaraí e o Clube Central, dando início a sua carreira artística.

Sua carreira tomou um decisivo impulso a partir do grande sucesso de "Ponteio", canção que interpretou, juntamente com Edu Lobo, no III Festival de Música Popular Brasileira (TV Record - 1967). Nesse mesmo ano gravou seu primeiro LP, "Marília Medalha".

Em 1992, depois de décadas de uma carreira de sucesso, Marília lançou o disco "Bodas de vidro", pela Niterói Discos. Nesse disco, a artista registrou composições próprias como "Canção da canção que nasceu" (c/ Vinicius de Moraes) e "Porto aberto" (c/ Dulcinéia Pilla), além de músicas de outros compositores, como "Poeta" (Márcio Proença e Paulo César Pinheiro), "Ah! Se eu pudesse" (Roberto Menescal e Ronaldo Bôscoli), além da faixa-título (Sueli Costa e Paulo César Pinheiro), entre outras.


Ano: 1992
Nome do LP: Bodas de vidro
Artista: Marilia Medalha

Músicas

01. Poeta (Márcio Proença e Paulo César Pinheiro)
02. Canção da canção que nasceu (Marília Medalha e Vinícius de Moraes)
03. A dois (Sueli Costa e Ana Terra)
04. Lagoa e vulcão (Márcio Proença e Marco Aurélio)
05. Ah! Se eu Pudesse (Menescal e Boscoli)
06. Bodas de vidro (Sueli Costa e Paulo César Pinheiro)
07. Quero saber agora (Fernando Leporace)
08. Nunca mais adeus (Sueli Costa e Ana terra)
09. Porto aberto (Marília Medalha e Dulcinéia Pilla)
10. Recompensa (Márcio Proença e Paulo César Pinheiro)
11. Não me diga adeus (Paquito, Luis Soberano e S. Correa da Silva)




Ficha técnica

Direção artística: Marília Medalha
Arranjos e produção executiva: Ricardo Junior e Roberto Menescal
Gravado e mixado: estúdio Synth
Capa: Carlos Duarte
Fotografia: Belo Barcellos
Coordenação geral: Roberto Menescal


Ficha Institucional

Prefeitura Municipal de Niterói
Prefeito: Jorge Roberto Silveira

FUNIARTE
Presidente: Luiz Antonio Mello

NITEROI DISCOS
Direção executiva: Ivan Macedo
Direção artística: Chico Aguiar




Publicado em 06/07/2016






Publicado emNiterói Discos
Tags Marilia Medalha ,


Arnaldo Rodrigues - "Composições"
Paulo Leonel - "O Que Tenho Pra Dizer" (2002)
Triodélico - "Tempo" (2002)
Canto e Fé (2002)
Sydnei Carvalho e Alex Martinho - "Intensity" (2005)
Baixe a agenda do mês do Arte na Rua

Rua Presidente Pedreira, 98 - Ingá, Niterói - RJ, 24210-470 | Tel:(21) 2109-2222 | Email: gestao.solardojambeiro@gmail.com