Blog Niterói Livros
 
 
Baixe a agenda do mês

Da Vila Real da Praia Grande à Imperial Cidade de Niterói (1993)  ()

Em 1993, a Prefeitura Municipal de Niterói, por meio da Fundação Niteroiense de Arte (Funiarte) criou o selo editorial Niterói Livros, que tinha como objetivo lançar obras que tenham a cidade de Niterói como referência. E para inaugurar o projeto, foi lançada a segunda edição da obra "Da Vila Real da Praia Grande à Imperial Cidade de Niterói" do historiador José Antônio Soares de Souza. Leia mais ...



VIII Concurso Municipal de Conto  ()

Em 2010, a Fundação de Arte de Niterói, por meio da Niterói Livros, publicou a coletânea de textos com os contos vencedores do VIII Concurso Municipal de Conto, realizado em 2009. A iniciativa veio ao encontro da demanda dos escritores da cidade que estavam ansiosos por uma oportunidade de reconhecimento e de divulgação. Leia mais ...



V Concurso Municipal de Conto  ()

Em 2007, a Fundação de Arte de Niterói, por meio da Niterói Livros, publicou a coletânea de textos com os contos vencedores do V Concurso Municipal de Conto. A iniciativa veio ao encontro da demanda dos escritores da cidade que estavam ansiosos por uma oportunidade de reconhecimento e de divulgação. Leia mais ...



III Concurso Municipal de Conto  ()

Em 2005, a Fundação de Arte de Niterói, por meio da Niterói Livros, publicou a coletânea de textos com os contos vencedores do III Concurso Municipal de Conto. A iniciativa veio ao encontro da demanda dos escritores da cidade que estavam ansiosos por uma oportunidade de reconhecimento e de divulgação. Leia mais ...



IV Concurso Municipal de Conto  ()

Em 2006, a Fundação de Arte de Niterói, por meio da Niterói Livros, publicou a coletânea de textos com os contos vencedores do IV Concurso Municipal de Conto. A iniciativa veio ao encontro da demanda dos escritores da cidade que estavam ansiosos por uma oportunidade de reconhecimento e de divulgação. Leia mais ...



I Concurso Municipal de Conto  ()

Em 2003, a Fundação de Arte de Niterói, por meio da Niterói Livros, publicou a coletânea de textos com os contos vencedores do I Concurso Municipal de Conto, realizado em 2002. A iniciativa veio ao encontro da demanda dos escritores da cidade que estavam ansiosos por uma oportunidade de reconhecimento e de divulgação. Leia mais ...



VII Concurso Municipal de Conto  ()

Em 2008, a Fundação de Arte de Niterói, por meio da Niterói Livros, publicou a coletânea de textos com os contos vencedores do VII Concurso Municipal de Conto, realizado em 2007. A iniciativa veio ao encontro da demanda dos escritores da cidade que estavam ansiosos por uma oportunidade de reconhecimento e de divulgação. Leia mais ...



X Concurso Municipal de Conto  ()

Em 2012, a Fundação de Arte de Niterói, por meio da Niterói Livros, publicou a coletânea de textos com os contos vencedores do "X Concurso Municipal de Conto", realizado em 2011. A iniciativa veio ao encontro da demanda dos escritores da cidade que estavam ansiosos por uma oportunidade de reconhecimento e de divulgação. Leia mais ...



VI Concurso Municipal de Conto  ()

Em 2008, a Fundação de Arte de Niterói, por meio da Niterói Livros, publicou a coletânea de textos com os contos vencedores do VI Concurso Municipal de Conto. A iniciativa veio ao encontro da demanda dos escritores da cidade que estavam ansiosos por uma oportunidade de reconhecimento e de divulgação. Leia mais ...



Enciclopédia de Niterói  ()

A Prefeitura de Niterói, por meio da Niterói Livros, lançou, em 2004, a obra "Enciclopédia de Niterói", do poeta e historiador fluminense, de Luís Antonio Pimentel. Organizada por Aníbal Bragança, a obra é uma reunião de múltiplas informações sobre a cidade e sua gente, expressas em diferentes narrativas, incluindo as imagens devidas ao traço de Miguel Coelho -, cujo acesso é facilitado por índices que indicam a localização na obra. Leia mais ...



Criando a Niterói do Amanhã  ()

Em 2014, a Niterói Livros, participou da publicação do projeto "Criando a Niterói do Amanhã", organizado pela Secretaria de Planejamento, Modernização da Gestão e Controle em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia e Fundação Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia. Leia mais ...



Contos do Velho Nipon  ()

Em 2004, a Niterói Livros, publicou a obra "Contos do Velho Nipon", de Luís Antônio Pimentel. Considerado o primeiro livro de contos japoneses, publicado no Brasil, o livro desvenda-nos as maravilhas do folclore nipônico e evidencia-se o valor universal da literatura infantil. É um enriquecimento respeitável para a literatura infantil e uma divulgação adorável da alma japonesa, com sua candura, sua prudência virtuosa e sua moral sentida e aprendida. Leia mais ...



A Preservação do Patrimônio Cultural em Niterói  ()

Em 2004, a Prefeitura de Niterói, por meio de seu selo institucional Niterói Livros, publicou o livro “A Preservação do Patrimônio Cultural em Niterói”, com organização de Regina Prado Guelman, o livro aborda o patrimônio de um modo amplo, enfocando não só os bens tombados, mas também os conjuntos urbanos e o patrimônio imaterial. E, é dividido em duas partes, sendo a primeira de caráter mais conceitual e segunda voltada para a preservação do patrimônio cultural em Niterói. Leia mais ...



Retrato do Artista Enquanto Sempre  ()

Publicado em 2006, pela Prefeitura de Niterói, por meio da Niterói Livros, o livro "Retrato do artista enquanto sempre", apresenta um conjunto de obras do artista plástico Miguel Coelho, formando um verdadeiro catálogo artístico. Organizada por Luiz Fernando Medeiros de Carvalho e Cristiane Brasileiro, a obra é parte das comemorações dos 50 anos de pintura do artista plástico e expõe poesias, contos, desenhos artísticos e pinturas. Leia mais ...



Lili Leitão, o Café Paris  ()

Publicado em 1998, pela Prefeitura de Niterói, por meio da Niterói Livros, a obra "Lili Leitão, o Café Paris e a vida boêmia de Niterói" e "Niterói, poesia e saudade", de Lyad de Almeida, tenta registrar a existência e a obra da figura principal do chamado "Cafelogeu" e citar os boêmios que frequentavam a famosa casa boêmia do Centro de Niterói. Leia mais ...



Riscando o solo  ()

Em 1998, Prefeitura de Niterói, por meio da Niterói Livros, lançou a obra "Riscando o solo", de Maristela Chicharo de Campos, que analisa o modelo arquitetônico e urbanístico adotado no Primeiro Plano de Edificação para a Vila Real da Praia Grande, durante o reinado de D. João VI. Leia mais ...



Memória: Imigração Espanhola em Niterói  ()

Em 2006, a Prefeitura de Niterói, por meio da Niterói Livros, publicou o livro "Memória - Imigração Espanhol em Niterói", organizado por Ângela de Castro Gomes e Ana Maria Mauad. A obra foi dividida em duas grandes partes: a primeira, com depoimentos relacionados ao circuito profissional e a segunda que aborda as demais atividades desenvolvidas pelos imigrantes. Leia mais ...



Niterói: Usina Cultural 2012  ()

A Prefeitura de Niterói, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e da Fundação de Arte de Niterói (FAN), publicaram, em 2012, a segunda edição do Mapeamento Cultural das atividades artísticas da cidade. As informações foram reunidas e deu origem ao livro "Niterói: Usina Cultural 2012". Leia mais ...



Ilha da Boa Viagem  ()

Em 2004, a Prefeitura de Niterói, por meio da Niterói Livros, lançou o livro "Ilha da Boa Viagem, paisagem-monumento da baía de Guanabara", de Regina Célia da Silva Costa, que aborda esse importante patrimônio histórico-cultural de Niterói, a partir de diversos aspectos: históricos, artísticos, literários e arquitetônicos, possuindo a rara qualidade de tratar do tema de forma séria e competente. Leia mais ...



Passeio das letras na taba de Araribóia  ()

Com a ideia de reconstruir a extensa texturologia do contexto sociocultural de Niterói - desde a roda do Café Paris às rodas de leitura da atualidade -, Wanderlino Teixeira Leite Netto teve sua obra "Passeio das letras na taba de Araribóia" publicada, em 2003, pela Fundação de Arte de Niterói, por meio da editora Niterói Livros. Leia mais ...



Minha terra e minha vida  ()

Em 1994, a Fundação de Arte de Niterói, por meio da editora Niterói Livros, publicou em segunda edição, a obra de Everardo Backheuser. "Minha terra e minha vida", que relata a memória da cidade de Niterói em crônicas publicadas no Jornal do Estado, editadas pela primeira vez em 1942. Leia mais ...



Teatro de Maria Jacintha  ()

Em 2008, Prefeitura de Niterói, por meio da Niterói Livros, lançou o livro “Teatro de Maria Jacintha”, organizado por Marise Rodrigues, que traz um estudo profundo sobre a vida e obra da teatróloga fluminense Maria Jacintha. Mais do que mulher de teatro, Jacintha foi uma mulher de seu tempo. Leia mais ...



José Tobias: um canto brasileiro  ()

Em 2004, a Niterói Livros, publicou a obra "José Tobias: um canto brasileiro", de Lauro Gomes de Araújo. Seu bel canto, de timbre raro, é o fio condutor da narrativa que aborda sua vida nos anos 50 até 1980. É como se o autor utilizasse as histórias de José Tobias como uma radiografia da música brasileira, passando pelos seus trabalhos no teatro de revista, no rádio, no cinema e na TV. Leia mais ...



Celso Antonio - A condenação da arte  ()

Em 2010, a Prefeitura de Niterói, por meio de seu selo institucional Niterói Livros, lançou a obra "Celso Antonio - A condenação da arte", livro no qual a jornalista Leneide Duarte-Plon reconstrói passo a passo a vida, carreira e obra do grande escultor. Leia mais ...



Crônicas do Rádio nos tempos áureos da Mayrink Veiga  ()

A Niterói Livros, lançou, em 2004, o livro "Crônicas do Rádio", do poeta e historiador fluminense, Luís Antônio Pimentel. Organizada por Aníbal Bragança, a obra é integrada por matérias que o autor escreveu para o jornal "Gazeta de Notícias", entre 1935 e 1937. Nelas ficamos sabendo como era o rádio naquela época, os artistas, os programas, o perfil de cada emissora, entre outras informações. Leia mais ...



Café Paris - Os precursores  ()

Em 2014, a Prefeitura de Niterói publicou, por meio de sua editora Niterói Livros e em parceria com a editora Novas Ideias, a obra "Café Paris: Os precursores”, de Maria José da Silva Fernandes e Emílio Maciel Eigenheer, é o terceiro livro da série Boêmios do Café Paris, e relaciona dez escritores que refletem uma faceta pouco conhecida, mas não menos importante do famoso café. Leia mais ...



Às margens plácidas do Rio Calimbá  ()

Em 2004, a Prefeitura de Niterói publicou, por meio de sua editora institucional, Niterói Livros, a obra "Às margens plácidas do Rio Calimbá", de Antonio Soares. O livro conta com crônicas de amor aos tradicionais bairros do Cubango e Viçoso Jardim, onde o jornalista, cartunista, compositor e seresteiro Antonio Soares passou a infância. Leia mais ...



Capítulos da Memória Niteroiense  ()

Em 2002, Prefeitura de Niterói, por meio da Niterói Livros, lançou o livro "Capítulos da Memória Niteroiense", de Carlos Wehrs, que reconstrói a memória niteroiense em 26 capítulos. A obra descreve a luta das autoridades sanitárias e o sofrimento da população durante os anos de 1849 e 1929, em que se alastrou uma epidemia de febre amarela. Leia mais ...



"Eles nasceram em Niterói" e "Topônimos tupis de Niterói"  ()

Em 2012, ano do centenário de Luís Antônio Pimentel, a Prefeitura de Niterói, por meio da Niterói Livros, lançou uma coletânea de dois trabalhos do jornalista. Organizada por Aníbal Bragança e Carlos Monaco, a obra reúne "Eles nasceram em Niterói" e "Topônimos tupis de Niterói". Leia mais ...



...E não conseguiram me fazer triste!  ()

Em 1995, a Prefeitura de Niterói, por meio de seu selo institucional Niterói Livros, publicou a obra "...E não conseguiram me fazer triste! – descontraído depoimento sobre Nictheroy", uma coletânea de cinquenta anos de crônicas, publicadas em diversos jornais, e que foram selecionadas por Carlos Couto para serem reunidas num livro. Leia mais ...



Adelino Magalhães  ()

Em 2004, a Prefeitura de Niterói publicou, por meio de sua editora institucional, Niterói Livros, a obra "Adelino Magalhães seguido do resumo histórico das entidades literárias de Niterói de cunho acadêmico", organizada por Graça Porto. Leia mais ...



São Domingos: berço histórico de Niterói  ()

Em 2008, a Fundação de Arte de Niterói, por meio da editora Niterói Livros, publicou a obra "São Domingos: o berço histórico da Vila Real de Praia Grande e imperial cidade de Niterói", coordenada por Francisco Tomasco de Albuquerque. Leia mais ...



Lançamento do livro "Café Paris: os precursores"  (Quarta, 24/06)

O Solar do Jambeiro convida nesta quarta-feira, 25 de junho de 2014, às 18h, para o lançamento do livro "Café Paris: Os Precursores", de Maria José da Silva Fernandes e Emílio Maciel Eigenheer. Na ocasião, haverá apresentação dos cantores Cláudio Hutchmacher e Gabriela Sepúlveda, com o show "O que é o coração e cordas". Leia mais ...



História de um Pintor - contada por ele mesmo  ()

Em 1999, a editora institucional Niterói Livros publicou a obra "História de um Pintor - contada por ele mesmo", um dos mais importantes depoimentos escritos por um artista brasileiro. Com a mesma exuberância estética com que produzia suas telas, Antônio Parreiras escreveu cada capítulo deste livro, pintando com palavras o tempo que viveu. Leia mais ...



O Bonde de Niterói  ()

Dos bondes puxados por animais aos ônibus do século XXI, passando pelos bondes elétricos, bonde a vapor, essa é a história que nos conta "O Bonde em Niterói", obra de Cristina da Fonte Pontes e Salvador Mata e Silva, editada em 2008 pela Niterói Livros. Leia mais ...



Niteroiense vence concurso literário José Cândido de Carvalho  (Quinta, 12/03)

Os ganhadores do concurso literário José Cândido de Carvalho vão receber seus certificados, durante solenidade que será realizada no dia 12 de março, quinta-feira, às 16h, na sede da Academia Fluminense de Letras (AFL), na Praça da República, s/nº, Centro de Niterói. O concurso foi promovido pela Prefeitura de Niterói, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, da FAN e da Niterói Livros, e em parceria com a AFL. Leia mais ...



Concurso de Contos José Cândido de Carvalho  (Quinta, 07/08)

Estão abertas as inscrições para o Concurso de Contos José Cândido de Carvalho, promovido pela Prefeitura de Niterói, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, da FAN e da Niterói Livros, e em parceria com a Academia Fluminense de Letras. Os contos poderão ser inscritos até o dia 18 de novembro de 2014. Os resultados serão anunciados no dia 15 de dezembro deste ano. Leia mais ...



Lançamento do livro 'Niterói pede passagem - Antologia de uma cidade', de Luiz Antonio Barros  (Terça, 06/05)

A Sala Carlos Couto, anexa ao Teatro Municipal de Niterói, e a Niterói Livros convidam, na terça-feira, 06 de maio, às 19h, para o lançamento do livro 'Niterói pede passagem - Antologia de uma cidade', organizado por Luiz Antonio Barros. Leia mais ...



Niterói Livros na Bienal do Livro do Rio de Janeiro  ()

Pela primeira vez, os autores independentes de Niterói terão oportunidade de participar da Bienal do Livro do Rio de Janeiro, que este ano acontece de 29 de agosto a 8 de setembro. A Fundação de Arte de Niterói, por meio da Niterói Livros, está abrindo espaço aos autores da cidade, dentro da sua programação, para poder se apresentar no estande coletivo Letras de Niterói. Leia mais ...


Baixe a agenda do mês do Arte na Rua

Rua Presidente Pedreira, 98, Ingá - 24210-470, Niterói - RJ | Telefone (21) 2621-5050 | E-mail sculturalniteroi@gmail.com (secret) e contato.culturaniteroi@gmail.com (FAN)