Devido ao grande sucesso, a exposição “Tudo que move é sagrado” será prorrogada! Quem ainda não visitou pode conferir a mostra até o dia 17 de abril. E quem já foi pode, novamente, apreciar as sessenta obras de trinta artistas brasileiros, com técnicas diversas, no Museu Janete Costa de Arte Popular. A curadoria é assinada por Jorge Mendes.

Nas peças, recursos manuais, manivelas, motores e vento evidenciam a dinâmica do movimento, justificando o nome da mostra, que é dividida em cinco setores integrados no andar térreo do Museu.

"Esta exposição, mais uma vez, tem como pano de fundo um tema bem atual que dialoga com este momento tão delicado que estamos vivendo: a dificuldade de nos mover e respirar. A exposição está lúdica e colorida e isso se torna um convite também para as crianças virem nos visitar. Para que todos se sintam seguros, o Museu está respeitando todos os protocolos sanitários contra a Covid-19”, explica Daniela Magalhães, Diretora do Museu Janete Costa de Arte Popular.

Saiba mais em: Museu Janete Costa abre a nova exposição "Tudo que move é sagrado"

Protocolos Sanitários

É necessário apresentar o comprovante de vacinação em dia, no formato impresso ou digital, acompanhado de um documento com foto. Todos os protocolos sanitários de combate à COVID-19 são seguidos.


Serviço:

Exposição “Tudo que move é sagrado”, curadoria de Jorge Mendes
Até 17 de abril de 2022
Visitação: de terça a domingo, das 11h às 17h
O Museu estará aberto até esta sexta, dia 25 de fevereiro, e retornará as atividades, na próxima quinta, dia 3 de março.
Entrada gratuita

Onde: Museu Janete Costa de Arte Popular
Endereço: Rua Presidente Domiciano, 178, Ingá, Niterói-RJ
Telefone: (21) 2705-3929

Fotos: Leo Zulluh.








Publicado em 24/02/2022
Museu Janete Costa de Arte Popular abre a exposição “Quem criou me ensinou” De 25/05 a 04/09
"A Paisagem Encantada de Lia Mittarakis" abre no Museu Janete Costa De 11 de agosto a 9 de outubro