Secretaria de Cultura de Niterói / Fundação de Artes de Niterói
  SÃO DOMINGOS: BERÇO HISTÓRICO DE NITERÓI
 
 
Agenda
Cultura
Niterói

Baixe aqui nossa programação mensal completa
Cultura Niteri

Dos bondes puxados por animais aos ônibus do século XXI, passando pelos bondes elétricos, bonde a vapor, essa é a história que nos conta "O Bonde em Niterói", obra de Cristina da Fonte Pontes e Salvador Mata e Silva, editada em 2008 pela Niterói Livros.



"Mergulhando nessa história descortinamos e desvendamos um pouco mais de nossa cidade, vamos além dos bondes quando observamos transformações urbanísticas e comportamentais e ainda outras nuances, que construíram e constroem Niterói permanentemente."


"Niterói foi a sétima cidade do país a contar com um dos transportes mais modernos do século XIX: o bonde. Para se ter uma ideia do que isso representou para a época, basta dizer que São Paulo foi a décima segunda a receber a melhoria.

Essa e outras histórias e curiosidades o leitor encontra em "O bonde em Niterói", mais uma bela publicação da Niterói livros, selo da Secretaria de Cultura / Fundação de Arte de Niterói (FAN), que segue no compromisso de preservar a cultura e a identidade de nossa cidade."

Godofredo Pinto
Prefeito de Niterói


"No início de tudo, os burros. Sim, os bondes eram de tração animal. Depois, os bondes elétricos dominaram a paisagem de Niterói, que nas primeiras décadas do século XIX monopolizaram o transporte de passageiros na nossa cidade.

Dos bondes puxados por animais aos ônibus do século XXI, passando pelos bondes elétricos, bonde a vapor, essa é a história que nos conta "O bonde em Niterói".

Mergulhando nessa história descortinamos e desvendamos um pouco mais de nossa cidade, vamos além dos bondes quando observamos transformações urbanísticas e comportamentais e ainda outras nuances, que construíram e constroem Niterói permanentemente."

Danielle Barreto Nigromonte
Presidente da Fundação de Arte de Niterói (FAN)








Ficha Técnica

Obra
O Bonde em Niterói

Autores
Cristina da Fonte Pontes e Salvador Mata e Silva
Ano de Edição

2008

Número de páginas
ap.117

Tamanho das páginas
14cm x 19cm

Editoria – Graça Porto
Capa – Pintura - P.Sodré
Diagramação – Marina Duque
Digitação – Graziele Rangel Bento
Revisão Siglia Mattos dos Reis
Fotografias – Acervo do IHGN
Fotos Trabalhadas – Victor Emanuel da Costa Borges

Ficha Institucional

Godofredo Pinto
Prefeito de Niterói

Marcelo Velloso
Subsecretário Municipal de cultura

Danielle Nigromonte
Presidente da Fundação de arte de Niterói

Maria Inês Azevedo de Oliveira
Superintendente da Fundação de arte de Niterói

Graça Porto
Coordenadora da Niterói Livros
Clique para ampliar
Em 2008, a Fundação de Arte de Niterói, por meio da editora Niterói Livros, publicou a obra "São Domingos: o berço histórico da Vila Real de Praia Grande e imperial cidade de Niterói", coordenada por Francisco Tomasco de Albuquerque.

A obra busca, a partir da perspectiva histórica, delinear trechos fundamentais da construção do bairro de São Domingos (Niterói, RJ). A pesquisa é parte do projeto "Dom João VI volta à Villa Real da Praia Grande", desenvolvido pelo Círculo Monárquico Dom Pedro II de Niterói, em comemoração aos 200 anos da chegada da Família Real Portuguesa ao Brasil. Os elementos citadinos são estudados em uma abordagem que analisa importantes personagens de nossa história nacional como D. João VI e Carlota Joaquina.


Ficha Técnica

Obra
São Domingos: o berço histórico da Vila Real de Praia Grande e imperial cidade de Niterói

Organizador
Francisco Tomasco de Albuquerque

Colaboradores
Carolina Hospodar Corrêa
Profa. Sulamita Castro Azevedo e Silva
Prof. Salvador Mata e Silva

Ano de Edição
2008

Número de páginas
ap.84

Tamanho das páginas
15,8cm x 21cm

Equipe organizadora
Coordenador-geral: Prof. Francisco Tomasco de Albuquerque.
Conselheiro-presidente do círculo monárquico Dom Pedro II de Niterói.

Editoria - Graça Porto

Capa e editoração – Rafael Lucena

Coordenador geral - Prof. Francisco Tomasco de Albuquerque

Pesquisa básica, organização do plano geral, preparação do texto crítico e dos originais e acompanhamento do trabalho editoria - Maximiano de Carvalho e Silva e Maria Teresa Kopschitz de Barros

Organização do plano geral e preparação do texto crítico sob orientação e direção - Maximiano de Carvalho e Silva Com colaboração de Maria Teresa Kopschitz de Barros

Foto da capa - Jean-Baptiste Debret Revista das tropas destinadas a Montevidéu, na praia grande, s.d. (c.1816) – Óleo sobre papel colado sobre tela; 41,6 X 62,9 cm – sem assinatura, p.0032.






Ficha Institucional

Godofredo Pinto
Prefeito de Niterói

Marcelo Velloso
Subsecretário Municipal de cultura

Danielle Nigromonte
Presidente da fundação de Arte de Niterói

Maria Inês Azevedo de Oliveira
Superintendente da Fundação de Arte de Niterói

Graça Porto
Coordenadora da Niterói livros






Tags ,




Em 1974, o INDC lançou "Notas para a História de Niterói" de Maia Forte
No Dia do Poeta, a Niterói Livros estreia nas redes sociais
ENCONTRO DE BIBLIOTECAS
Cinematographo em Nictheroy
Lançamento do livro "A_Ponte: Gestão Cultural"


aaaaaa

Mapa do Site

Cultura Niterói
 
Espaços Culturais
 
Programas
 
Outros
 
 
 
Portal Transparência
Contracheque Online
e-SIC
Comprovante de Rendimento
Consulta de Processos
 
Rua Pres. Pedreira, 98, Ingá - 24210-470, Niterói - RJ | Tel: (21) 2719-9900 | E-mail niteroi.culturas@gmail.com