Secretaria de Cultura de Niterói / Fundação de Artes de Niterói
  ALESSANDRO CARDOZO
 
 
Agenda
Cultura
Niterói

Baixe aqui nossa programação mensal completa
Cultura Niteri

Niteroiense nascido em 1980, Alessandro Couto Cardozo é cavaquinista, compositor e produtor musical. Seus primeiros passos no mundo da música foram dados quando o mesmo tinha apenas 8 anos de idade. Apesar da pouca idade, ele já frequentava serestas e rodas de choro. Na adolescência, Cardozo decidiu ir além e se aprofundou em seus estudos. Buscando uma maior especialização, ingressou em aulas de música. Alessandro é um verdadeiro estudioso do cavaquinho, e tamanha dedicação e habilidade vêm rendendo convites para apresentações em TV, gravações e shows.

Com Anderson, Bicudinho, Rodrigo, Rogério e Daniel, fundou o grupo de samba "Palco Iluminado", gravando um CD, pelo selo Niterói Discos, em 1999. Acompanha, há mais de uma década, a dupla Zé da Velha (trombone) e Silvério Pontes (trompete). Com eles, gravou e teve participação nos arranjas de base do CD "Sábado Instrumental", gravado ao vivo no Teatro Municipal de Niterói e lançado em 2003 pelo selo Niterói Discos.

Palco Iluminado. Clique para ampliar
Em 2004 acompanhou o cantor Marcos Sacramento em sua turnê pela França, apresentando-se no "Festival de Sanary". Em 2005 participou do lançamento do filme "Brasileirinho", documentário dirigido pelo cineasta finlandês Mika Kaurismaki, radicado no Rio de Janeiro, no "Festival de Cannes" na França e na Finlândia, e do "Festival Jazz Maraton" na Bélgica.

Cardozo foi convidado por Cláudio Camunguelo e Silvério Pontes para defender seus choros no Festival de Choro do Museu da Imagem e do Som. Nesse festival, conquistou o 2º lugar com o choro "Zé Galinha" do compositor Camunguelo. Além deste, o cavaquinista já participou de diversos outros festivais, bienais e turnês pelo Brasil e pelo mundo. Destaque para sua presença no lançamento do filme "Brasileirinho", no Festival de Cannes de 2005. Alessandro Cardozo já trabalhou com diversos nomes da MPB. Beth Carvalho, Grupo Fundo de Quintal, Marquinhos Santana e Elza Soares são alguns deles.

Rio Trio: Leandro, Alessandro e Netinho. Clique para ampliar.


Em 2010 formou com Netinho Albuquerque (Pandeiro) e Leandro Saramago (Violão 7 Cordas), o conjunto instrumental "Rio Trio" com a proposta de divulgar o choro, mantendo suas tradições e interpretando grandes nomes como Waldir Azevedo, Pixinguinha, Ernesto Nazareth, João Pernambuco, Jacob do Bandolim e outros. Além destes grandes nomes, o Rio Trio inova ao incluir em seu repertório compositores da nova geração.

Em 2012 participou da gravação do songbook "Roda de Choro 1", lançado pelo selo Global Choro Music Corporation, integrando o regional de choro ao lado de Paulão Sete Cordas, Netinho Albuquerque e Charlles da Costa. Nesse mesmo ano acompanhou o cantor Luiz Melodia em sua turnê pela Europa, apresentando-se em Paris, Berlim, no "Back2Black Festival" em Londres, e também no "Montreux Jazz Festival", na Suíça, acompanhando os músicos Zé da Velha e Silvério Pontes.






Tags Alessandro Cardozo,




Manoel Benício (1861-1923)
Cláudio Valério Teixeira (1949 - 2021)
José Mattoso Maia Forte (1873-1945)
Os preparativos para a imersão na Europa
O Barrismo


aaaaaa

Mapa do Site

Cultura Niterói
 
Espaços Culturais
 
Programas
 
Outros
 
 
 
Portal Transparência
Contracheque Online
e-SIC
Comprovante de Rendimento
Consulta de Processos
 
Rua Pres. Pedreira, 98, Ingá - 24210-470, Niterói - RJ | Tel: (21) 2719-9900 | E-mail niteroi.culturas@gmail.com