Secretaria de Cultura de Niterói / Fundação de Artes de Niterói
  OSCAR NIEMEYER, ARQUITETO, BRASILEIRO E CIDADÃO
 
 
Agenda
Cultura
Niterói

Baixe aqui nossa programação mensal completa
Cultura Niteri

O Museu de Arte Contemporânea recebe, de 8 de dezembro de 2007 a 9 de março de 2008, a mostra "Oscar Niemeyer, Arquiteto, Brasileiro e Cidadão", organizada pelo Instituto Tomie Ohtake, com curadoria de Marcus de Lontra Costa. Depois de passar pelas cidades de Belo Horizonte, Curitiba e São Paulo, o projeto que comemora os 100 anos de Oscar niemeyer chega a Niterói para ocupar os espaços singulares do MAC, uma das mais famosas obras do arquiteto que já se firmou como sinônimo de ousadia, sofisticação e tecnologia arquitetônicas, projetando a cidade de Niterói para o exterior.

A mostra aponta o pensamento deste mestre que, ao longo de 60 anos de trabalho, criou novas vertentes na arquitetura moderna, evidenciando, ainda, a sua busca pela inovação em cada um dos muitos projetos desenvolvidos. Fotografias, obras de arte, instalaçães, vídeos e textos compõem o cenário, representando as principais fases da arquitetura de Niemeyer, sua relação com as artes e os artistas plásticos brasileiros, assim como a luta sócio-política do cidadão Oscar, exposta na grande sala do MAC. "Oscar Niemeyer, Arquiteto, Brasileiro e Cidadão" vai destacar os aspectos poéticos da obra de Niemeyer, os fragmentos mais representativos de sua produção arquitetônica.

Esta produção modernista fará um diálogo com a de artistas plásticos como Bruno Giorgi, Alfredo Ceschiatti, Portinari, Athos Bulcão, Franz Weissmann, Tomie Ohtake e José Pedrosa. Em Niterói, a mostra terá o acréscimo de obras de nove artistas pertencentes à Coleção João Sattamini, em comodato com o MAC: Aluísio Carvão, Beatriz Milhazes, Franz Weissmann, Ione Saldanha, Ivan Serpa, Joaquim Tenreiro, Lygia Clark, Paulo Roberto Leal, e Sérgio Camargo.como criar um blog.

Oscar Ribeiro de Almeida de Niemeyer Soares (1907 - 2012). Arquiteto e urbanista. Forma-se em arquitetura pela Escola Nacional de Belas Artes (Enba), no Rio de Janeiro, em 1934. Nesse ano, passa a frequentar o escritório do arquiteto e urbanista Lucio Costa (1902-1998). Em 1936, integra a comissão criada para definir os planos da sede do Ministério da Educação e Saúde (MES), no Rio de Janeiro, com a supervisão do arquiteto franco-suíço Le Corbusier (1887-1965), a quem assiste, como desenhista. Baseado no projeto do arquiteto, Niemeyer sugere alterações que são adotadas na construção do edifício. Entre 1940 e 1944, projeta, por encomenda do então prefeito de Belo Horizonte, Juscelino Kubitschek (1902-1976), o Conjunto Arquitetônico da Pampulha, que se configura como um marco de sua obra, pois rompe com os conceitos rigorosos do funcionalismo e utiliza uma linguagem de formas novas, de superfícies curvas, explorando as possibilidades plásticas do concreto armado.

Em 1947, é convidado pela Organização das Nações Unidas (ONU) a participar da comissão de arquitetos encarregada de definir os planos de sua futura sede em Nova York. Seu projeto, associado ao de Le Corbusier, é escolhido como base do plano definitivo. No Rio de Janeiro, em 1955, funda a revista Módulo e no ano seguinte começa, a convite do presidente da República, Juscelino Kubitschek, a colaborar na construção da nova capital do Brasil, Brasília, cujo plano urbanístico é confiado a Lucio Costa. Em 1958, é nomeado arquiteto-chefe de Brasília, para onde se transfere e permanece até 1960. Entre os projetos mais importantes de Niemeyer destacam-se o Parque do Ibirapuera, São Paulo, 1951; a sede do Partido Comunista Francês, Paris, 1965; a Escola de Arquitetura de Argel, Argélia, 1968; a sede da Editora Mondadori, Milão, Itália, 1968 e a sede do jornal L'Humanité, Saint-Denis, França, 1987.


Serviço:

Oscar Niemeyer, Arquiteto, Brasileiro e Cidadão coletiva
Curadoria: Marcus de Lontra Costa, Kadu Niemeyer e Ricardo Ohtake
Local: Salão, Varanda e Mezanino
Abertura: 8 de dezembro de 2007
Visitação: 8 de dezembro de 2007 a 9 de março de 2008

Museu de Arte Contemporânea (MAC)
Mirante da Boa Viagem, s/n – Niterói RJ
Informações: 21 2620 2400 / 2620 2481






Tags Oscar Niemeyer, Arquiteto, Brasileiro e Cidadão,




IPHAN anuncia conclusão do processo de tombamento do MAC
"Um Autorretrato Cubano" é a primeira exposição virtual do Mac Niterói
Yuli Yamagata abre exposição inteira feita especialmente para o MAC
Coleções afetivas: acervo de arte de uma cidade
História da Unidos do Viradouro é contada em exposição no MAC Niterói


aaaaaa

Mapa do Site

Cultura Niterói
 
Espaços Culturais
 
Programas
 
Outros
 
 
 
Portal Transparência
Contracheque Online
e-SIC
Comprovante de Rendimento
Consulta de Processos
 
Rua Pres. Pedreira, 98, Ingá - 24210-470, Niterói - RJ | Tel: (21) 2719-9900 | E-mail niteroi.culturas@gmail.com