Projeto da Fundação de Arte de Niterói levará expressões artísticas variadas para diversos locais da cidade.

No domingo, 18 de setembro, a partir das 10h, o projeto Rolé das Artes desembarca no Horto do Barreto, com o teatro infantil da Cia. Graco e a música negra do grupo Negros e Vozes. O evento, inicialmente marcado para o dia 4, foi remarcado por conta das chuvas.

Cia Graco
A Cia. Graco abre às 11h o segundo dia do "Rolé das Artes" com o espetáculo "No Mundo da Lua com Rosa", que conta a história de Rosa, uma menina muito curiosa e sonhadora, e que alguns conhecem por Rosinha. Estimulada pela Flor, pelo Palhaço e pelo mundo de Alice em "Alice no país das maravilhas", ela, já mais que "encucada" de tanto ouvir comentarem que ela vive ou quer viver no "mundo da lua", resolve seguir até lá e descobrir onde e como é este lugar. E ao entrar na roda do tempo, ela viverá, assim como Alice, grandes e intensas emoções! Siga esta menina e seus amigos: Gato, Palhaço e A Quase Flor de Lis entre outros.

Em seguida, às 12h, o grupo Negros e Vozes sobe ao palco para uma apresentação inspirada nos ritmos de grupos como 'Boyz II Men', 'Sampa Crew' e 'Take 6'. Formado por Bira, Leandro, Anderson e Negro Dinho o Negros e Vozes vem construindo uma carreira sólida com repertório que explora músicas do folclore e canções no dialetos africanos, negro spirituals, soul, samba, pop e black music.

Motivados pelo seriado do grupo Jackson Five, o grupo foi idealizado em 2000 por artistas oriundos de famílias pobres, da comunidade da Grota do Surucucu, em São Francisco, Niterói, que começaram a cantar em escolas, festas de rua, clubes e projetos culturais. O nome escolhido remete ao repertório do grupo que passeia pelas grandes canções da cultura negra. Frequentemente acompanhado de uma banda, o grupo traz um repertório bem diversificado, e a sensação é quando cantam 'a capella' notas agudas, rasgadas, melodiosas e harmônicas.

Sobre o "Rolé das Artes"


Negros e Vozes


Após uma análise precisa do mapeamento urbano da cidade, o Departamento de Projetos Culturais da FAN detectou as localidades com potencial e forte demanda para receber as edições do 'Rolé das Artes'.

"Por meio desse estudo foi possível identificar que os eventos eram, até então, mais concentrados na Zona Sul da cidade, estendendo-se ao Fonseca, à Santa Rosa e alguns pontos de Itacoatiara e Piratininga. Além de distribuir melhor as atividades culturais, foram avaliadas as necessidades de cada região para integrá-las como pontos de realização do projeto, como é o caso do Parque Esportivo Caramujo e da Associação de Maricultores, em Itaipu", explica João Marcos Aragão, diretor de projetos culturais da FAN.

Locais que já costumam receber eventos culturais, como o Campo de São Bento, o Horto do Barreto, a Cantareira e a Praça de Itaipu também receberão o projeto.

Outra peculiaridade do 'Rolé das Artes' é explorar as expressões artísticas de cada localidade que receberá o projeto, e não somente convidar artistas para se apresentarem em cada edição. Dessa forma será possível fortalecer os artistas locais e possibilitar que esses artistas tenham acesso aos recursos da Cultura, gerando oportunidades e renda — uma prioridade da FAN, que fomenta e dá visibilidade à cultura em todas as suas formas de expressão, e entende a necessidade de um olhar mais atento às manifestações culturais das áreas periféricas da cidade.




Rolé das Artes com a Cia. Graco e o grupo Negros e Vozes
Data: Domingo, 11 de setembro de 2022
Horário: A partir das 10h
Entrada Gratuita

Local: Horto do Barreto (Parque Palmir Silva)
End: Rua Dr. Luiz Palmier, s/n, Barreto








Publicado em 31/08/2022

Arte na Rua segue nesta semana com muitas atrações De 17 a 24 de junho