Referência internacional na bateria, Pascoal Meirelles lançou em 2012, pelo selo Niterói Discos, seu trabalho "Dubai-Lima: Guitar Project", em que coloca a guitarra como protagonista, representada nas mãos de Nelson Faria, Alexandre Carvalho, Leonardo Amoedo, Mateus Starling, Ricardo Peixoto e Kamal Musallan.

Um fato não muito comum reunir talentos de grande expressão do instrumento em um único álbum, uma celebração às seis cordas liderada pelas baquetas de Pascoal, que assina 7 dos 11 temas e que traz também composições de Toninho Horta ("Luisa") e Vitor Assis Brasil ("Joanne").

Foi durante turnê pela Ásia que Meirelles teve a ideia de gravar "Dubai-Lima guitar project". O baterista conta que foi influenciado pelo fato de ter conhecido o guitarrista Kamal Musallan, de Dubai, com quem gravou posteriormente, pela internet. Atrações do Java Jazz Festival Indonésia, em 2010, os dois se tornaram amigos e o brasileiro quis fazer projeto que homenageasse a guitarra.

Mineiro de Belo Horizonte e radicado no Rio há mais de 40 anos, em princípio foi autodidata, e já aos dezesseis anos, começou sua carreira profissional tocando em night-clubs. Apesar de ser mais conhecido como baterista, um dos instrumentos que Pascoal Meirelles mais gosta pra se expressar é o piano. É com ele que compõe suas canções, as quais toca já de volta às baquetas com seu trio, seu sexteto e também com o seu grupo Cama de Gato.

Kamal Musallan. Clique para ampliar
Em 1979, graduou-se em música pela Berklee College of Music, em Boston. A lista de cantores e músicos com os quais dividiu palco e disco após o retorno ao Brasil é grande: Gonzaguinha, Hélio Delmiro, Maysa, Wagner Tiso, Chico Buarque, Edu Lobo, Luís Bonfá, Elis Regina, Tom Jobim (com quem gravou o histórico disco Terra Brasilis, de 1977), Ivan Lins. Ganhou indicações a prêmios como o Sharp como melhor arranjador pelo disco "Paula" e o Tim, como melhor disco por Tributo à Art Blakey.

Depois de tocar com artistas como Wilson Simonal (1938-2000), Paulo Moura (1932-2010), Ivan Lins, João Bosco, entre outros, Pascoal Meirelles partiu para a carreira solo, paralelamente ao Cama de Gato, do qual apenas ele e o flautista e saxofonista Mauro Senise são remanescentes da formação original.

São mais de 40 anos de bateria e uma história na nossa música, não só Instrumental e no Jazz, mas na Música Brasileira.


Nelson Faria e Pascoal. Clique para ampliar.





1

/

5

title.mp3

Artist name

Composer name



Ano: 2012
Músico: Pascoal Meirelles
Álbum: Dubai- Lima Guitar Project


Músicas

01. Pro Helvius (Pascoal Meirelles)
02. Salseiro (Pascoal Meirelles)
03. Maracatudo (Pascoal Meirelles)
04. Pontanegra (Pascoal Meirelles)
05. Malaysia (Pascoal Meirelles)
06. Abaré (Pascoal Meirelles)
07. Diida (Piud Bachenlob)
08. Joanne (Vitor Assis Brasil)
09. Luisa (Toninho Horta)
10. Bambelô (Domínio público do Rio Grande do Norte)
11. Dubai Lima (Pascoal Meirelles)


Ficha Técnica

Engenheiros de gravação: Gabriel Bussiere e Diogo Barcellos
Produção Executiva: Nina Lima
Produção Fonográfica: Pascoal Meirelles
Masterização: Carlos de Andrade e Visom Digital
Mixagem: Gabriel Bussiere e Diogo Barcellos
Estúdio: HIT STUDIOS
Fotos: Marcelus Pequeno (cd), Rogério Neves (fundo caixa), Aloísio Jordão (encarte), arquivos pessoais (músicos e staff)
Projeto Gráfico: Cláudio Novaes


Clique para ampliar.



Ficha Institucional

PREFEITURA DE NITERÓI
Prefeito: Jorge Roberto Silveira
Secretário Municipal de Cultura: Cláudio Valério Teixeira
Subsecretário de Planejamento Cultural: Dalto Medeiros
Superintendente Cultural: Francisco Aguiar

FUNDAÇÃO DE ARTE DE NITERÓI
Presidente da FAN: Marcos Sabino
Superintendente Administrativo: Ivan Macedo

NITERÓI DISCOS
Coordenador: Carlos Tatoo
Produção Executiva: Luis Otávio Torreão
Produtora Cultural: Daniela Magalhães



Publicado em 18/06/2016