Na imagem de Capa, a professora Lecyr Lessa, presidente do INDC, ladeada por Clarival do Prado Valladares, sua esposa e Israel Pedrosa.

Memória - Com o objetivo de levar a comunidade ao debate e à reflexão, através de fenômenos artísticos, o Instituto Niteroiense de Desenvolvimento Cultural (INDC) iniciou ontem (07), no Teatro Leopoldo Fróes, a I Semana de Artes Visuais de Niterói. O evento acontece de 07 a 11 de junho de 1976 e conta com a coordenadoria do professor e pintor Israel Pedrosa, do INDC.

"Raízes das Artes Visuais Contemporâneas" foi o tema abordado pelo professor Clarival do Prado Valladares, na programação que tem prosseguimento hoje (08), a cargo do professor Aloisio Magalhães.

Ao dar abertura à Semana, a professora Lecyr Lessa, presidente do INDC, falou sobre o evento e sobre a satisfação em reabrir o Teatro Leopoldo Fróes às atividades Culturais de Niterói que estão sendo incrementadas pela Prefeitura Municipal. O ciclo de palestras prosseguirá até a próxima sexta feira, sempre às 17h30, à rua Professor Manuel de Abreu, 16.

Para o professor Clarival do Prado Valladares, no Brasil a cultura se encontra através das raças e, por isso mesmo, o País é um motivo da arte estética com a miscigenação. Segundo explicou, o belo é um conceito subjetivo, assim, se torna difícil fixar uma data para estabelecer o início da arte contemporânea.

"Ao reunir todos os trabalhos em relação às raízes da arte atual, chegou-se à conclusão de que seu início se deu a partir de Lumière. Entretanto, essa conceituação mundial é falha, passível de discussões, tendo em vista que Lumière pode ter sido o inicio de um estilo", explicou o professor, que também é médico e procura sempre colocar suas experiências e pesquisas do campo biomédico em seus trabalhos e estudos de artes visuais.

Ele falou ainda que toda época é caracterizada em termos de estilo de região, de indivíduos. Por outro lado, explicou que é próprio do homem romantizar um passado remoto e rejeitar um passado recente.

Ao fazer tais declarações, o professor deu uma verdadeira aula sobre História da Arte e falou sobre a importância da verdade factual para os historiadores, apesar de às vezes ser prejudicial por não corresponder à verdade vivencial.

Ao terminar sua palestra, Clarival Prado Valladares projetou uma série de 'slides' mostrando diversos trabalhos da arte negra que, segundo explicou, serviu e serve de modelo para grandes artistas, embora quem as produza não faça com essa finalidade e sim como a exteriorização de seu momento cultural.

Na conferência de logo mais, o professor Aloisio Magalhães falará sobre o "Estágio Atual das Artes Gráficas e do Desenho Industrial": amanha, "A Linguagem Artística dos Audiovisuais e Super-8 será mostrada pelo professor Frederico Moraes; quinta-feira, o professor Carlos Roberto Maciel Levy falará sobre "Museus, Arte e Sociedade Contemporânea: das Opções ao Impasse". Finalmente, na sexta-feira, o professor Roberto Pontual abordará "Arte Agora".

Programação

A 'Semana de Artes Visuais', para cuja inscrição é cobrada uma taxa de Cr$ 80,00, compreenderá a seguinte relação de palestras:

- Dia 7, segunda-feira. "Raízes das Artes Visuais Contemporâneas", pelo Professor Clarival do Prado Valladares;

- Dia 8, terça-feira. "Estágio Atual das Artes Gráficas e do Desenho Industrial", pelo Professor Aloisio Magalhães;

- Dia 9, quarta-feira. "A Linguagem Artística dos Audiovisuais e Super-8", pelo Professor Frederico Morais;

- Dia 10, quinta-feira. "Museus, Arte e Sociedade Contemporânea: das Opções ao Impasse", pelo Professor Carlos Roberto Maciel Levy.

- Dia 11, sexta-feira. "Arte Agora", pelo Professor Roberto Pontual.

Todas as palestras serão realizadas no horário de 17h30 a 19h. O número de vagas é limitado, e será conferido certificado de frequência aos participantes que houverem assistido a pelo menos quatro das palestras do Curso.


Tags:






Publicado em 31/08/2021

Milton Nascimento relembra sucessos para 20 mil pessoas em Niterói
Niterói inaugura, no antigo Paço Municipal, o Museu da Cidade ENCERRADA
Fundação de Arte de Niterói lança canal de atendimento aos artistas Leia mais ...
Memória: INDC inaugura sua nova sede no Ingá Leia mais ...
Memória: Arquivo foi assunto de seminário promovido pelo INDC Leia mais ...
Niterói lança IV edição do Musifest De 24 a 28 de março de 2008
Arthur Maia: Vai rolar a festa ..., o Musifest Leia mais ...