Nascida no Rio de Janeiro, Perlla Cortazzo é uma cantora e compositora autodidata de Folk Rock, Jazz e Blues. Além de apresentar suas próprias composições, Perlla fez covers de grupos e artistas como The Police, Outfield, Pink Floyd, Janis Joplin, Amy Winehouse, Journey, Raulzito, Deep Purple, Guns´n Roses, Plebe Rude, RPM, Legião, Metallica, Eric Clapton, Elvis, chuck Berry, Beatles, REM, Creedence, The Smiths, morrissey, The Doors, Barão, AC/DC, Paralamas, KISS e Led Zeppelin, entre muitos outros.

Perlla começou a sua estrada musical em 1988, quando se inscreveu em um festival de música e ganhou o prêmio de Melhor Interpretação com o público. Com isso, foi convidada a ingressar em uma banda local de Blues e se fez conhecer com suas poesias musicadas e seu timbre pulsante.



Além de Concrete Blonde, Elis Regina, Rita Lee & Mutantes e Billie Holiday, sua maior influência musical foi Janis Joplin, e, inspirada pela cantora, Perlla Cortazzo decidiu se mudar para San Francisco (EUA), tendo como principal objetivo viver os ares da maior intérprete de Blues que ela havia ouvido falar. Nesse período, que durou 7 anos, fez uma participação no show de Robble Krieger (The Doors), em Hermosa Beach (CA), 1995, e realizou uma turnê com sua banda “Disciple Mary” que rendeu algumas apresentações no cenário undeground em Hollywood / CA.

Em 2007, lançou o álbum virtual "O Acaso", contendo três faixas: "Mesmo Assim", "E-mail de Socorro" e "Sol da Meia-Noite". No eixo Rio de Janeiro-Niterói, realizou diversas apresentações solo e como “lead singer” da banda Crazy Cats, além de ter feito diversas participações especiais em eventos e apresentações de outros grupos.

crítica
“Perlla Cortazzo canta músicas referentes a qualquer um de nós. É um CD que não sai do meu player” - Bob Tyndall (The Research Magazine).







Publicado em 0000-00-00
Museu Antônio Parreiras