Tombamento estadual
Processo INEPAC E-03/33

Praia de Icaraí - Icaraí

Trata-se de um monumento natural localizado entre as praias de Icaraí e das Flechas, sob a designação indígena de Itapuca (pedra furada) por haver tido, em sua forma original, um túnel natural.

A pedra foi parcialmente demolida por ordens do Presidente da Província, Conselheiro Pedreira, para dar prosseguimento ao Plano de Arruamento de 1840-1841, criando uma comunicação direta entre os bairros do Ingá e Icaraí. A imagem da "pedra furada" é apenas conhecida através de uma pintura atribuída a Julius Mill.

A atual imagem de Itapuca aparece largamente reproduzida. O Tesouro nacional fez ensaios com a imagem da pedra em papel-moeda no valor de duzentos mil réis. A mesma imagem foi escolhida pelo Barão do Rio Branco para seu ex-libris.

Também apareceu reproduzida em selos do Correio postos em circulaçõ em 2 de abril de 1945. Em 1907, foi escolhida também para figurar no timbre da nova entidade de lojas maçônicas de Niterói, denominada Novo Grande Oriente do Brasil.

Conheça a Lenda de Itapuca, de Alvarus de Oliveira
Leia também: Itapuca, por Joaquim Norberto de Souza e Silva

Fotos recentes de Leo Zulluh









Publicado em 12/11/2013
Palacete São Domingos ou da Praia Grande
A Compra do Palacete Leia mais ...
Capela de Nossa Senhora da Conceição Leia mais ...
Paróquia de São Francisco Xavier Leia Mais ...