Tombamento estadual em 26/09/1978
Processo INEPAC - E-03/34562/78
Tombamento municipal em 08/10/1991
Processo 110/0046/91 - Decreto 6203/91
Rua Passo da Pátria, 156 - São Domingos

A Escola de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal Fluminense ocupa duas edificações conhecidas como "Chalet" e "Casarão". Os prédios foram concebidos em diferentes momentos e com finalidades distintas

A história dessas edificações remonta ao século passado, quando, em 1888, o Chalet foi construído pelo português Francisco Manuel da Silva Rocha. Em 1917, o proprietário vendeu a chácara e o chalé à companhia inglesa Western Telegraph que, em 1920, construiu ali o alojamento para funcionários e laboratórios (atual Casarão), ficando o local conhecido como "Chácara dos Ingleses" . Em 1943, a Western Telegraph vendeu o imóvel à Companhia de Melhoramentos de Niterói.

A chácara passou, em 1947, para a Caixa Econômica Federal do Rio de Janeiro e Caixa Econômica Federal do Rio Grande do Sul, através de ação de doação. Em 1956, os prédios passam a ser utilizados pelo Serviço de Águas e Esgotos da Prefeitura Municipal. É neste período que começa a ocupação dos imóveis pela Escola Fluminense de Engenharia. Em 1957, a Escola foi federalizada e incorporada à Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, atual UFF. Em 1975, o Chalet e o Casarão passaram a ser utilizados pelo Curso de Arquitetura e Urbanismo.

Clique para ampliar
O Chalet é um exemplar de moradia em estilo romântico, o qual se encontrava em voga no Brasil, no terceiro quartel do século XIX. Possui a fachada avarandada, encimada por frontão triangular ornamentado com lambrequins de madeira e rendilhado de ferro. Construtivamente, a edificação apresenta técnica tradicional das espessas paredes de alvenaria, mesclando-a com estruturas de ferro fundido na varanda, apresentando acabamentos de cantaria nas cercaduras dos vãos e, ainda, assoalhos e forros em Pinho de Riga. No entanto, nas várias reformas realizadas posteriormente, boa parte do assoalho foi substituído por cimentado, e seu espaço interno perdeu muito da sua forma original.

O Casarão foi construído no ano de 1917 para servir de alojamento de funcionários da companhia inglesa Western Telegraph. O prédio revela, na austeridade da composição e na simplicidade da organização espacial, a praticidade de sua função original temperada por detalhes ornamentais que denunciam a origem inglesa do projeto. Sucessivas reformas executadas em épocas distintas retiraram do Casarão sua varanda original, substituída por outra em concreto armado. Internamente, algumas paredes divisórias também foram removidas. Em 18 de dezembro de 1978, tais edificações foram tombadas pelo Instituto Estadual do Patrimônio Cultural - INEPAC - através do processo E-03/34562/78. A Prefeitura Municipal de Niterói, reiterando a importância desses prédios como exemplares de grande valor arquitetônico para a cidade, tombou-os pelo Decreto nº 6.203, em 08 de outubro de 1991.


Fonte: "Niterói Patrimônio Cultural", editado pela SMC/Niterói Livros em 2000.


Fotos recentes de Leo Zulluh









Publicado em 25/09/2013
Palacete São Domingos ou da Praia Grande
A Compra do Palacete Leia mais ...
Capela de Nossa Senhora da Conceição Leia mais ...
Paróquia de São Francisco Xavier Leia Mais ...