Performista e poeta, Jayme dos Santos nasceu em Vila Velha - ES, a 10 de maio de 1935, e trabalhou nas áreas de Teatro, Cinema e Televisão.

Estudou na Escola de Teatro Martins Pena, no Rio de Janeiro, em 1968. Ainda no Rio, realizou cursos de Desenho Artístico e Publicitário no Liceu Literário Português; Jornalismo, na Escola de Comunicação Assis Chateaubriand, em 1977; e Literatura, na Academia Brasileira de Letras, em 1997.

Atuou em teatro infantil e em figuração de novelas e filmes, além de fazer parte da Academia Pan-Americana de Letras e Artes, Campos (RJ), Associação dos Diplomados da Academia Brasileira de Letras, Grupo Mônaco de Cultura e outras entidades culturais.

Conquistou a Medalha de Honra ao Mérito pelo conjunto da obra em Versos Noturnos, em 1991; Medalha de Prata no livro Os mais Belos Escritos de Amor, em 1992; 2º lugar na antologia Palavra em Cores, em 1993; e Medalha de Ouro no Concurso Coral de Cigarras - Trovas - Mariomar, da ASPERJ, em 1994.

Seus poemas estão nos livros Água Escondida (1994, organizado por Neide Barros Rêgo), Cascata de Versos (1987, organizado por Paulo César dos Santos) e Palavras em Cores (1993, Editora Litteris), entre outros.






Publicado em 0000-00-00
Museu Antônio Parreiras