Jornalista, fotógrafa, poetisa, atriz e produtora cultural, Lucília Dowslley nasceu em 12 de maio, em Niterói. Já chegou a se apresentar no Paraguai, Nova York e Nova Jersey (EUA) e, além de ministrar Oficinas de Interpretação e Criação de Textos, coordena o Clube de Leitura para crianças.

É autora dos livros de poesia “Um Brinde á Poesia” (2004), que reúne fotos, pensamentos e textos da autora, e “Carmim” (2012). Em 2017, lançou "O Sol em Minha Alma", sua terceira publicação, que contava com prosas poéticas e poemas escritos durante os seus 20 anos, entremeados com fotos pessoais de uma viagem que fez ao Japão.

Realizou exposições e apresentações em diversos centros culturais e eventos, entre eles Ateliê Art Center (São Francisco, Niterói), Plaza Shopping, Estação Livre Cantareira, Centro Cultural Paschoal Carlos Magno, Espaço Cultural La Folie (Botafogo, Rio de Janeiro), Encontro Pela Paz e Liberdade de Ser (Paraguai) e comemoração ao Dia Mundial da Fotografia (Sociedade Fluminense de Fotografia).

Em 2003, apresentou “Um Olhar Sobre Niterói”, uma série de fotos em homenagem aos 428 anos de Niterói, na Sala José Cândido de Carvalho, e, no mesmo ano, “Luzes do Som”, no SESC Niterói. Fez as fotos dos shows de vários artistas, incluindo Moska, Biquíni Cavadão, Joana, Luciana Mello, Alceo Valença e Frejat, entre outros.

Criou o movimento literário “Um Brinde à Poesia: Movimento pela Paz e Liberdade de Ser” que acontece mensamente no MAC Niterói, no Solar do Jambeiro e no Museu da República, no Rio. O projeto foi lançado no dia 11 de junho de 1999, com o objetivo de divulgar a obra de novos autores e compositores, encorajando aqueles que nunca se apresentaram em um sarau ou falaram em um microfone em público, além de promover o lançamento de livros e CDs sem custos para o artista.

Crítica
“A artista transmite com olhar enamorado, de quem visita pela primeira vez a cidade, a paixão pela terra onde nasceu. Cada click é uma declaração do amor e confissão desta irresistível atração privilegiada pelo talento ao lidar com imagens, sejam elas reais ou criadas”.
Luiz Fernando Dias (Assessor de Imprensa da NELTUR)





Publicado em 0000-00-00
Museu Antônio Parreiras