"Um Autorretrato Cubano" é a primeira exposição virtual do Mac Niterói

Sucesso em São Paulo e na capital federal, a exposição "Um Autorretrato Cubano", de José Alberto Figueroa chega a Niterói em formato inédito para temporada online e gratuita, a partir de 1° de abril.

A mostra, que será exibida até 02 de maio, traz o olhar sensível do fotógrafo cubano, considerado um dos precursores da fotografia conceitual.





"O mundo virtual e os eventos online trouxeram consigo um grande benefício e permitiram um maior alcance da arte", comenta Cristina Figueroa, curadora do evento, crítica de arte (Estudio Figueroa – Vives, Havana) e filha de José.

Conhecido por registros que ilustram questões sociais e políticas de Cuba, Figueroa apresenta, por meio de suas fotografias, um olhar para o povo cubano e para as transformações sociais que mobilizaram o país durante as últimas cinco décadas. "Cuba vive atualmente uma situação política e econômica complexa. Meu trabalho de tantos anos, talvez nos ajude a refletir sobre nossa história e aproximar um público internacional da realidade cubana”, comenta o fotógrafo, que completa 75 anos de idade e carrega mais de 50 anos de carreira.

Clique para ampliar
O projeto foi contemplado pela Lei Aldir Blanc na chamada "Retomada Cultural" e ainda contará com uma série de lives relacionadas à exposição. As datas ainda serão divulgadas.

A mostra, que reúne 69 fotografias, que vão desde a década de 60 até os dias atuais, procura dar visibilidade aos 115 anos de relações diplomáticas entre Brasil e Cuba, restabelecidas em 1906, "Figueroa sempre esteve intimamente ligado à história da fotografia brasileira. Do ponto de vista histórico e documental, seu trabalho tem muitos pontos de contato com outros fotógrafos brasileiros contemporâneos como Walter Firmo, Nair Benedito, Juca Martins, entre outros", comenta a curadora, que vê a exposição como uma oportunidade de mostrar ao público pela primeira vez a visão sem preconceitos do artista - testemunha ocular, por mais de 50 anos, da realidade e da vida de seu país.

“O Museu de Arte Contemporânea de Niterói busca se reinventar neste momento em que vivemos. Trazer para o museu um grande fotógrafo internacional, mesmo que de forma virtual, é nossa contribuição com o processo de difusão da arte e da cultura mundial", afirma Victor De Wolf, diretor do MAC Niterói.


Serviço

"Um Autorretrato Cubano" - Clique e confira
Exposição - José A. Figueroa
Local: MAC Niterói - On-line

De 01 de abril a 02 de maio
Acesso pelo site: http://macniteroi.com.br
Classificação indicativa: Livre


Tags:






Publicado em 30/03/2021

MAC apresenta 'Cinco convites a um levante', de Alex Frechette De 02 de março a 12 de maio de 2024
MAC como Obra de Arte ENCERRADA
Ocupações/Descobrimentos Antonio Manuel e Artur Barrio ENCERRADA
Arte Contemporânea Brasileira Coleções João Sattamini e MAC de Niterói ENCERRADA
Detalhes e iluminação que fazem a diferença no trabalho de Magno Mesquita Leia mais ...
No MAC Niterói, "Visões e (sub)versões - Cada olhar uma história" ENCERRADA
Estratégia: Jogos Concretos e Neoconcretos ENCERRADA
Exposição "A Caminho de Niterói", no Paço Imperial ENCERRADA
Exposição '!Mirabolante Miró!' no MAC Niterói ENCERRADA