Clique para ampliar.


O Solar do Jambeiro abre suas portas para mais uma edição do Palco Niterói Discos, na quarta-feira, 09 de setembro, às 20h, com show de um dos mais consagrados guitarristas de Niterói, Cássio Tucunduva. Com 50 anos de carreira, na apresentação, o músico faz um balanço de toda sua trajetória, desde a criação da banda Os Lobos, nos anos 1960, até sua consagração junto a outros grandes nomes da MPB.

Amor ao blues e ao rock’n’roll: essa foi uma das principais motivações que levou o jovem Cássio Tucunduva a se aventurar pelos caminhos da música. Cássio nasceu no Rio de Janeiro, em 19 de julho de 1950. Sua carreira teve início na adolescência, na lendária banda niteroiense Os Lobos, nos anos 60, especialmente ao lado de Dalto, Antônio Quintella e Cristina Tucunduva. O grupo se apresentou no eixo Rio-Niterói, em bailes, shows e programas de TV com gravações, que ganharam as paradas de sucesso das rádios e trilhas sonoras de novelas.

Cássio com a formação de Os Lobos que se apresentou no Teatro Municipal de Niterói, em 2013. Clique para ampliar
"Foi nos anos 60 com a onda dos Beatles que a gente montou aqui em Niterói uma banda com esse nome, Os Lobos. Nós formávamos um quarteto, calcado nos moldes do rock inglês, com duas guitarras, baixo e bateria, tocando, obviamente, rock'n'roll", lembra Cássio. Todos esses sucessos levaram Cássio juntamente com Os Lobos ao Festival Internacional da Canção, em 1972.





No currículo do músico constam cursos de violão, de Teoria, Harmonia e workshops de guitarra. Cássio também cursou a Faculdade de Comunicação Social da Universidade Federal Fluminense - UFF, concluindo o curso em 1976, e fez até o 5º período da Faculdade de Música, na UNIRIO. Depois, ao partir para carreira solo, teve uma de suas composições defendida pela banda Roupa Nova no Festival MPB Shell da Rede Globo, em 1980, a partir do lançamento de seu primeiro disco pelo selo independente PLUG, o compacto "No colo d'El Rey".

Em 1991, o músico inaugurou o Selo Niterói Discos com o LP "Os Lobos", que teve a participação de Dalto interpretando "Fábula". Essa foi uma retomada rápida da banda depois de quase quinze anos distante dos palcos. Entre suas experiências como músico de estúdio, Cássio marcou presença em discos de Alceu Valença, Geraldo Azevedo, Emilio Santiago, Zizi Possi e Chico Buarque, entre outros. Lançou também o CD solo "Filho", o 100° da Niterói Discos, com músicas instrumentais de sua autoria, com produção do baterista Cláudio Infante, em 2001.

Um de seus projetos, lançado em 2003, em produção independente com apoio da Embratel, chama-se "Canto Sobre tudo", um CD de sambas. E para quem pensa que esse é um terreno desconhecido para o roqueiro Cássio, a classificação na semifinal do Festival Fábrica do Samba, com uma composição em parceria com Nei Lopes, fala por si. Atualmente, Cássio faz shows pelo Brasil acompanhando artistas de renome ou apresentando seu trabalho. E dedica-se, em Niterói, onde vive, ao lançamento do CD "Cássio e Os Tais", com suas novas composições.

Clique para ampliar.



Serviço

Palco Niterói Discos – Cássio Tucunduva
Data: Quarta-feira, 09 de setembro de 2015
Horário: 20h
Entrada gratuita
Classificação etária: livre

Local: Solar do Jambeiro
Endereço: Rua Presidente Domiciano, 195 – Boa Viagem
Telefone: (21) 2109-2222 | (21) 2109-2223





Publicado em 0000-00-00
Solar do Jambeiro apresenta 9° ciclo de leituras dramatizadas Quinta, 30 de junho
"Brinque Lendo" acontece no jardim do Solar do Jambeiro Sábado, 02 de Julho
Solar do Jambeiro recebe um "Piquenique Literário" Domingo, 03 de Julho