Imersão teatral, entrega corporal e dança. Essa é a combinação da "Oficina de Teatro Musical Contemporâneo Corpo e Alma", novo projeto que chega ao Solar do Jambeiro. A duração do curso é de dois meses e a primeira aula acontece na quarta-feira, 11 de janeiro. A oficina é gratuita e a classificação indicativa é de 16 anos.

Organizado pela CTAG - Cia Teatral Armando Gonzaga, essa oficina reúne uma série de profissionais que objetivam trabalhar a emoção do despertar do personagem. Marília Damatta, diretora, dramaturga e coach de atores, trabalha com a parte teatral, enquanto o músico Claos Mozi e o cantor Byafra focam na preparação da voz, por meio de técnicas de canto.

As inscrições gratuitas serão realizadas por meio do e-mail ciateatralarmandogonzaga@gmail.com e/ou pelo telefone (21) 98245-2579.

Sobre a Companhia

A Cia Atores de Armando Gonzaga ministra oficinas e apresenta espetáculos há cerca de dez anos, privilegiando as obras do dramaturgo Armando Gonzaga, como também de autores contemporâneos. Dirigida pela dramaturga Marília Damatta, tem em seu corpo de atores profissionais das artes cênicas do eixo Rio/Niterói. Sediada em Piratininga, a Cia apresenta mostras teatrais ecléticas, desfilando entre comédias, dramas e poesias, em sua maioria autorais.

Sobre Byafra

Nascido em Niterói, Byafra começou a estudar canto e música no Centro Educacional de Niterói, onde fez parte do Coro que o levou até para apresentações internacionais, cantando Villa-Lobos na Escócia. Já nos anos 70, saiu do coral para ser vocalista da banda O Circo, que fez rápido sucesso em Niterói. Foi com a banda que o cantor entrou pela primeira vez em um estúdio para gravar um álbum. Seus maiores sucessos, "Leão Ferido" (incluído no álbum Despertar - 1981) e "Sonho de Ícaro" (incluído no álbum Existe Uma Ideia - 1984), renderam-lhe dois Discos de Ouro. Compositor de muitos temas de novelas, lançou 14 álbuns, que venderam mais de meio milhão de cópias.

Sobre Claos Mozi

Claos Mozi é um compositor e poeta mineiro. Desde menino, o artista cultiva uma relação intensa com a música e os caminhos da palavra e da expressão. Em Niterói, onde mora desde 2007, Mozi atuou na banda "Gira Gerais". Em 2013, duas de suas canções foram editadas pela Sony, por meio da voz da cantora Júlia Vargas: "Uirapuru Blues" e "Canção Camarada". Dois anos depois, o artista lançou os EPs "Ao Vivo na Cantareira", com a banda "Alcachofra", e "Cacos de Caos", com o conjunto "Giras Gerais".


Serviço

Evento: projeto “Oficina de Teatro Musical Contemporâneo Corpo e Alma”
Data: 11, 18 e 25 de janeiro e 01, 08 e 15 de fevereiro de 2023
Horário: 9h às 11h
Evento gratuito
Capacidade: 20 pessoas
Classificação: 16 anos

Local: Solar do Jambeiro
End.: Rua Presidente Domiciano, 195 - Ingá, Niterói - RJ








Publicado em 11/01/2023