De 03 a 30 de julho de 2016, a instalação Invasão Monarca, do artista Fábio Carvalho, composta por 1300 bandeirinhas de papel pintadas com soldados com asas de borboleta, vai ocupar o espaço interno do Centro Cultural Paschoal Carlos Magno, bem como o seu entorno. A abertura com o já habitual programa "Encontro com o artista" será realizado no dia 02 de julho, sábado, às 11h. A entrada é franca.

A exposição é um desdobramento da intervenção urbana "Migração Monarca", realizada anteriormente pelo artista em junho de 2014 em Lisboa, durante as tradicionais "Festas de Lisboa", que correspondem às nossas festas juninas. Nesta intervenção, Fábio Carvalho misturou seus "Monarcas" às ornamentações já existentes pelas ruas de Lisboa. Os “Monarcas” que dão nome à instalação são soldados em uniforme camuflado, com asas de borboleta saindo de suas costas, pintados à mão um a um pelo próprio artista com tinta acrílica sobre bandeirinhas de papel de seda.

Clique para ampliar
A instalação é composta por 1300 soldados em uniforme camuflado com asas de borboleta saindo de suas costas, pintados sobre bandeirinhas de papel de seda. As borboletas são normalmente associadas ao universo feminino, frágil e delicado, que em oposição aos símbolos usualmente aceitos como masculinos, de força e virilidade, formam a principal dialética da produção artística de Fábio Carvalho, que busca questionar o senso comum de que virilidade e fragilidade, masculinidade e vulnerabilidade não podem coexistir.

Com essa mostra, o artista faz uma crítica à ostensiva ocupação policial e militar sob a qual vivemos, ao descontrole da violência urbana e ao poderio dos governantes que, segundo o artista, estão sempre prontos a dominar, reprimir, calar, repreender qualquer manifestação individual ou coletiva que não se alinhe aos interesses destes governantes e seus "sócios".

Fábio Carvalho

Em atividade desde 1994, com 16 exposições individuais e mais de 150 coletivas no Brasil, Alemanha, Argentina, Chile, Cuba, Espanha, Equador, EUA, Hungria, Inglaterra, Itália, País de Gales, Peru, Portugal, República Checa e Rússia. Atualmente está muito ativo também em Portugal, onde participou de 7 residências artísticas (Faianças Bodallo Pinheiro, Porcelana Vista Alegre, Oficina da Formiga, Maus Hábitos, Cerâmica São Bernardo, entre outras), participou de diversas exposições, e realizou vários projetos de Intervenção Urbana. Tem mais de 120 obras em coleções públicas e privadas.


Clique para ampliar.



Serviço

Exposição "Invasão Monarca"
Abertura: 02 de julho, sábado, 10h
Período de visitação: De 02 a 30 de julho de 2016.
Segunda a Sexta-feira, das 10h às 17h. Sábados, Domingos e Feriados, das 10h às 15h
Entrada franca

Local: Centro Cultural Pascoal Carlos Magno (CCPCM) - Galeria Quirino Campofiorito
Endereço: Rua Lopes Trovão s/nº, Campo de São Bento - Icaraí, Niterói – RJ
Informações: (21) 2610-5748








Publicado em 26/06/2016

Mostra "Inventário das Desutilidades" entra em cartaz no CCPCM De 06 de abril a 05 de maio
Apresentação da Chamada Pública do CCPCM ENCERRADA
Mostra movimenta o Paschoal De 18 e 23 de agosto de 1998
Niterói de Ontem e de Hoje em mostra fotográfica no CCPCM Leia mais ...
Telas de Milton Eulálio, em exposição no CCPCM Leia mais ...
CCPCM abre exposição coletiva 'Gravadores e Escultores' Leia mais ...
Thereza Brunet expõe geometria e esoterismo no CCPCM Leia mais ...
No Paschoal, as flores que inspiram Tay Bunheirão Leia mais ...
Encontro com Tay no Paschoal desmistifica criação Leia mais ...